Abertura de wine bar inaugura a revitalização da Cantina Pão & Vinho

Alessandro Beltrame, Jéverson Brisotto, Jonatan Bittencourt, Erich Tortelli. Créditos Luis Bisol

Alessandro Beltrame, Jéverson Brisotto, Jonatan Bittencourt, Erich Tortelli. Créditos Luis Bisol

As obras de revitalização do casarão que abrigou a tradicional Cantina Pão & Vinho, localizada próxima ao Museu Casa de Pedra, no bairro Santa Catarina, serão inauguradas dia 1º de dezembro com a abertura do Tannat Wine Bar. O espaço é a âncora do complexo, que conta ainda com uma segunda sala para locação, já em negociação com empreendimento do ramo gastronômico.

Mais do que a renovação de um prédio tombado pelo Patrimônio Histórico de Caxias do Sul, o projeto proposto pela Palk Business Hub devolve à cidade uma área de convivência revitalizada no bairro Santa Catarina, valorizando seu contexto histórico por meio de um novo espaço de lazer enogastronômico. Esse conceito inovador para o segmento de gestão patrimonial na região mostra ao público que existe uma relação de respeito com a história do ambiente que por muitos anos foi prestigiado tanto por caxienses quanto por visitantes do complexo turístico composto pelos Pavilhões da Festa da Uva e o Museu Casa de Pedra.

Tannat Wine Bar Caxias do Sul - Créditos Giovanni Brembati

Tannat Wine Bar Caxias do Sul – Créditos Giovanni Brembati

As definições do projeto de restauro e os critérios de intervenção adotados pelos arquitetos Leonardo Bernardi e Carla Todescato foram elaborados após pesquisa histórica, levantamento das patologias e análise do estado de conservação das edificações, iniciadas ainda em 2016. Em seguida, foram organizados três grupos de critérios: a conservar, a demolir e a construir, formando o conjunto de ações da intervenção, baseado na Carta de Veneza – documento que norteia a conservação patrimonial.

“O prédio histórico, por si só, já é referência e destino, mas nossa curadoria comercial busca operadores comprometidos com essa história para valorizá-la e levá-la décadas a frente de maneira revisitada, atendendo às aspirações de consumo modernas dos dias atuais”, ressalta o empresário Luciano Bulla, diretor da Palk Business Hub. Ele adianta que o outro espaço disponível, no segundo piso do prédio, deve abrigar uma operação gastronômica que converse com a descendência italiana da região.

Valor à vinicultura

O Tannat Wine Bar ocupa 150 metros quadrados do salão principal do casarão e 130 metros quadrados para mesas na área externa. O empreendimento dos sócios Erich Tortelli, Alessandro Beltrame, Jéverson Brisotto e Jonatan Bittencourt vai valorizar a vinicultura nacional (50% do estoque) e também oferecer mais de 100 rótulos oriundos de 20 países. A proposta, também, é de simplificar o consumo do vinho por meio de quatro wine stations, máquinas nas quais o cliente poderá servir-se diretamente nas torneiras. O local também vai oferecer cardápio assinado pelo chef Ramon Zampieri, com opções de tábuas de frios, opções de carnes e pratos da culinária internacional.

A cantina*

A cantina de pedra erguida por José Andreazza em 1896 acompanhou a origem e o auge da vitivinicultura nas primeiras décadas do século XX. Após o falecimento de José, em 1934, a propriedade foi adquirida por Ângelo Tonet, em 1947, que passou a utilizar o imóvel para produzir e comercializar os vinhos Atílio Tonet (pai de Ângelo), marca que se manteve no mercado até os primeiros anos da década de 50.

Por volta de 1975, a produção foi transferida para a Linha 40, e o prédio que abrigava a cantina passou a ser alugado. Foi barbearia, salão de beleza e depósito de sucata, até que naquele mesmo ano as filhas de Ângelo, Colorinda e Marilene, resolveram instalar ali a Cantina Pão e Vinho, que serviu pratos típicos da gastronomia colonial italiana até 2011.

*Fonte: Memórias de Caxias do Sul pelo Viés do Patrimônio Histórico, de Heloisa Mezzalira

FOCAR VEÍCULOS.svg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...