Segunda semana do Festival Varilux mescla comédia, drama e fantasia no Ordovás

15277944955b104b3fd536e_1527794495_3x2_rt

 

A comédia dramática “Carnívoras” abre a segunda semana do Festival Varilux de Cinema Francês nesta quinta-feira (14/06), no Centro de Cultura Ordovás. O longa aborda a relação entre duas irmãs, Mona e Sam, que compartilham o mesmo sonho de se tornarem atriz. A sessão inicia às 19h30. Os ingressos custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (idosos, estudantes, servidores municipais e alunos da Aliança Francesa).

A programação da semana conta também com o filme “A Noite Devorou o Mundo”, fantasia em que mortos-vivos invadiram as ruas de Paris; a comédia “Promessa ao Amanhecer”, que retrata a relação do romancista Romain Gary com sua mãe; o drama “Custódia”, que mostra a visão do filho no processo de divórcio; e por fim, a comédia “Nos Vemos no Paraíso”, que aborda uma relação iniciada na guerra.

O Festival Varilux de Cinema Francês em Caxias do Sul é uma parceria da Unidade de Cinema e Vídeo da Secretaria Municipal da Cultura (SMC) com a Aliança Francesa. Mais informações pelo telefone (54) 3901.1316.

Programação da semana

14 de junho – 19h30

“Carnívoras” (Carnivores), de Jérémie Renier e Yannick Renier, com Leïla Bekhti, Zita Hanrot, Hiam Abbass

2018 – Comédia dramática – 1h38

Sinopse: Mona sempre sonhou em ser atriz. Ao sair do Conservatório, ambiciona um futuro brilhante pela frente, mas é Sam, sua irmã mais nova, que logo se torna uma atriz famosa. Sem recursos, Mona é obrigada a morar com Sam, que propõe que Mona se torne sua assistente. Aos poucos, Sam vai negligenciando seus papéis de atriz, de esposa e de mãe e acaba se perdendo, então Mona acredita que deve se apossar dos papéis que Sam abandona.

15 de junho – 19h30

“A Noite Devorou o Mundo” (La nuit a dévoré le monde), de Dominique Rocher, com Anders Danielsen Lie, Golshifteh Farahani, Denis Lavant Plus

2018 – Fantástico – 1h33

Sinopse: ao se levantar de manhã num apartamento onde, de véspera, houve uma grande festa, Sam deve se render à evidência: ele está sozinho e mortos-vivos invadiram as ruas de Paris. Aterrorizado, ele vai ter que se proteger e se organizar para continuar a viver. Mas será que Sam é mesmo o único sobrevivente?

16 de junho – 19h30

“Promessa ao Amanhecer” (La promesse de l’aube), de Eric Barbier, com Pierre Niney, Charlotte Gainsbourg

2017 – Comédia dramática – 2h10

Sinopse: de sua infância difícil na Polônia, passando por sua adolescência sob o sol de Nice, até suas proezas como aviador durante a Segunda Guerra Mundial, Romain Gary viveu uma vida extraordinária. Mas essa ânsia por viver mil vidas e se tornar um grande homem, ele deve a Nina, sua mãe. É o amor louco dessa mãe cativante e excêntrica que fará dele um dos maiores romancistas do século XX. Mas esse amor materno, sem limites, também será seu fardo por toda vida.

17 de junho – 18h

“Custódia” (Jusqu’à la garde), de Xavier Legrand, com Denis Ménochet, Léa Drucker, Mathilde Auneveux

2017 – Drama/Thriller – 1h33

Sinopse: o casal Besson se divorcia. Para proteger o filho de um pai que ela acusa de violências, Miriam exige a guarda exclusiva. A juíza encarregada do caso decide pela guarda compartilhada, pois considera o pai desrespeitado. Refém entre seus pais, Julien vai fazer de tudo para impedir que o pior aconteça.

17 de junho – 20h

“Nos Vemos no Paraíso” (Au revoir là-haut), de Albert Dupontel, com Nahuel Perez Biscayart, Albert Dupontel, Laurent Lafitte, Niels Arestrup, Emilie Dequenne

2017 – Comédia dramática – 1h57

Sinopse: em novembro de 1918, alguns dias antes do Armistício de Compiègne, Édouard Péricourt salva a vida de Albert Maillard. Ambos não têm nada em comum, a não ser a guerra, e são obrigados a se unir para sobreviver. Anos depois, Albert e Édouard planejam uma farsa para desmascarar o Tenente Preadelle que tenta fazer fortuna com corpos das vítimas da guerra.

horiz meia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...