Smed promove Círculos de Diálogo para turmas de EJA de escolas municipais

Circulo Luciano (1)
Na semana do lançamento oficial da campanha contra o consumo de álcool por crianças e adolescentes, a Secretaria Municipal da Educação (Smed) promoveu Círculos de Diálogo e de Construção de Paz para os estudantes da modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA) das escolas municipais. A iniciativa da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e Violência Escolar (Cipave) da Smed foi realizada na Caldas Júnior e na Prefeito Luciano Corsetti.
A ação faz parte da campanha contra o consumo de álcool por crianças e adolescentes, promovida pelo poder público e por diversas entidades. De acordo com Alexandre Ferronato, assessor pedagógico e facilitador restaurativo da Smed, o retorno dos estudantes foi positivo, principalmente após as palestras ministradas pela psicóloga Paula May. “Muitos não viam o alcoolismo como doença e, por esse motivo, sua percepção de mundo mudou. Os estudantes são muito gratos por essa revelação, que retirou o véu do preconceito. Agora eles são disseminadores do tema em casa e para a comunidade”, completou.
Maria Madalena Quadros, assessora pedagógica da Smed, também reforça que, graças a esse trabalho, os estudantes estão mais focados no caminho longe do álcool. “Nos relatos deles, foi possível perceber que eles tiveram essa consciência. Foi um trabalho muito efetivo”, relatou.
Após essa avaliação satisfatória do aproveitamento, o ciclo de palestras sobre a temática para as escolas que oferecem a modalidade EJA terá continuidade no segundo semestre. “Com os Círculos de Construção de Paz, foipossível alcançar os objetivos de fortalecer os vínculos e promover o diálogo sobre a valorização da vida com os estudantes, por isso os trabalhos continuarão”, explica Délcio Cruz Júnior, assessor pedagógico referência da Cipave.
A logomarca e o slogan da campanha foram criados por estudantes das redes municipal e estadual de ensino de Caxias do Sul. Com caráter permanente, a iniciativa busca mobilizar famílias e comunidades, junto ao poder público, no desenvolvimento de atividades de prevenção à venda, ao fornecimento e ao consumo de álcool por crianças e adolescentes. Além da Smed, a campanha tem o apoio da 4ª Coordenadoria Regional de Educação (4ª CRE), Câmara de Vereadores, Brigada Militar, Polícia Civil, Guarda Municipal, Conselho Tutelar, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica), Fundação de Assistência Social (FAS) e União das Associações de Bairros (UAB).

Foto Délcio Cruz Júnior

horiz meia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...