Poesia: Lembro de você…

SONY DSC

SONY DSC

 

By Laudir Dutra

Quando o mundo parece desmoronar

E eu sem ação, aceito que aquilo é o fim;

Sensações que nem dá pra descrever,

Uma frase mal colocada, segredos que

Não queremos compartilhar, momentos

Que não queremos repetir. Saudades!

Sentir coisas que não queremos sentir,

Expressar sentimentos às avessas

Daqueles que passam no nosso peito

Como uma brisa que sopra silenciosa

Mas que sabemos, ela vai passar,

Mesmo que a pele absorva apenas

O indelével toque da suavidade…

Hoje, passado algum tempo, revejo

As velhas fotos, ouço as canções

Que costumávamos dançar juntos

E te trago novamente ao presente

Para o meu mundo que na verdade,

Nunca deixou de ser o nosso…

De volta à velha casa onde fizemos planos,

Novamente sonhar juntos as belezas de

Uma vida que só tem sentido, quando

Despedidos da gente, decidimos ver

Que tudo aquilo que idealizamos, teve

Ao invés de um ponto final, reticências…

By Laudir Dutra

FOCAR VEÍCULOS.svg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...