Prefeitura e Sindilimp entram em acordo para pagamento de terceirizados de limpeza em escolas

_DSC2184

O prefeito Daniel Guerra, servidores da Procuradoria-geral do Município (PGM) e da Secretaria Municipal da Educação (Smed) estiveram reunidos, nesta quinta-feira (07/02), com representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Asseio, Conservação, Limpeza Urbana, Ambiental e Áreas Verdes de Caxias do Sul (Sindilimp), entidade que representa os funcionários responsáveis pela limpeza das escolas municipais. O encontro, que ocorreu no Centro Administrativo, foi organizado pela prefeitura com o intuito de notificar o sindicato a respeito das pendências da Job, empresa responsável pela contratação dos terceirizados.

A diretora financeira da Smed, Danúbia Sartor, explicou que a Job descumpriu o contrato ao não comprovar o pagamento da guia do FGTS de novembro de 2018, o que impossibilitou ao Município repassar os valores destinados ao pagamento do salário e outros benefícios dos funcionários. “Preocupados com a situação desses terceirizados e a fim de resolver o problema, convocamos essa reunião. Desde o segundo semestre de 2018, o Município vem notificando a empresa por pendências e descumprimento de contrato”, aponta.

No encontro, ficou acordado que o Sindilimp entraria com uma ação judicial solicitando o bloqueio de valores para o pagamento dos salários dos funcionários. A decisão favorável ao pedido saiu nesta sexta-feira (08/02). Com a obtenção da liminar, o pagamento, que será efetuado pelo próprio Sindicato, fica previsto para a próxima segunda-feira (11/02). Um novo encontro deve ocorrer na próxima terça-feira (12/02), quando serão debatidas outras pendências e as novas tratativas.

De acordo com Danúbia, o Município possui contrato com a Job há cinco anos para o serviço de limpeza nas escolas. Atualmente, são repassados R$ 670 mil por mês para a empresa, que conta com 207 funcionários prestando serviço na rede municipal. “Estamos tomando todas as providências cabíveis para que esses trabalhadores não sejam prejudicados. Reconhecemos a importância do ótimo trabalho prestado por eles e não estamos de acordo com os procedimentos que a Job vem adotando. Nosso objetivo agora é resolver a situação o quanto antes”, declara a diretora financeira.

Recepção para esclarecer dúvidas

A diretora financeira da Smed e a diretora administrativa da pasta, Raquel Baldasso, receberam, na manhã desta sexta-feira (08/02), nove representantes da categoria no gabinete da Smed (fotos). As funcionárias, que buscavam explicações para o atraso no pagamento dos salários, foram informadas a respeito do acordo feito entre o Sindilimp e o Município na reunião do dia anterior.

 

 

Foto Renata Zanatta

FOCAR VEÍCULOS.svg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...