Em 1h30, 201 infrações de avanço do sinal vermelho, manuseio do celular e falta de uso do cinto de segurança são registradas em Caxias

celular e trânsito - Mateus Argenta

Celular e trânsito – Mateus Argenta

Agentes da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM) reforçaram nesta quinta-feira (10/10) a fiscalização de infrações relacionadas ao uso do celular, cinto de segurança e avanço do sinal vermelho no trânsito de Caxias do Sul. A operação foi batizada de Imprudência Zero e está sendo realizada semanalmente com o objetivo de intensificar a cobrança ao motorista de atitudes seguras no dia a dia do trânsito.

Entre 9h e 10h30, os agentes flagraram 201 infrações. São elas: 109 ocorrências de motoristas trafegando sem o uso do cinto, 82 de condutores manuseando, utilizando ou falando ao celular e 10 casos de veículos avançando o sinal vermelho em cruzamentos do município. A operação foi realizada em vias do Centro, São Pelegrino e Nossa Senhora de Lourdes. Durante a fiscalização, os agentes permaneceram posicionados nas esquinas e em áreas de estacionamento, de forma visível e passando orientações aos motoristas.

????????????????????????????????????

Em menos de duas semanas, a ação identificou 419 motoristas sem o cinto. Além disso, outras 367 ocorrências de condutores utilizando, manuseando ou falando ao celular e 251 avanços de sinal de vermelho foram flagrados pelos agentes da SMTTM. Outras operações semelhantes foram realizadas nos dias 27/09, 01/10 e 02/10.

“O objetivo é acabar com práticas que coloquem motoristas e pedestres em risco. Buscamos aumentar a sensação de fiscalização aos condutores e criar uma cultura de respeito às regras do trânsito. Se para coibir à embriaguez temos a Balada Segura, a partir de agora temos a operação Imprudência Zero para que comportamentos como manuseio do celular, avanço do sinal vermelho e falta de uso do cinto sejam punidos e passem a ser evitados pelos nossos motoristas”, reforça o titular da SMTTM, Cristiano de Abreu Soares.

Considerado uma proteção vital em caso de acidentes, o cinto de segurança é obrigatório tanto nos bancos dianteiros ou traseiro desde 1998. Conforme o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o não uso do equipamento configura infração grave, punida com cinco pontos na CNH e multa de R$ 195,23. Já o uso do aparelho como telefone é considerada uma infração média, com quatro pontos na CNH e multa de R$ 130,16. Para quem manuseia ou segura o celular, a infração é gravíssima, com multa de R$ 293,47 e sete pontos na habilitação.

Já avançar o sinal vermelho é considerada uma infração gravíssima que, além de trazer um grande risco à vida dos pedestres e dos motoristas, faz com que o condutor do veículo leve sete pontos na CNH e seja autuado em R$ 293,47.

Foto Leonardo Portella e Mateus Argenta 

FOCAR VEÍCULOS.svg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...