4º Batalhão de Polícia de Choque de Caxias do Sul foi entregue

DSC04496
Caxias do Sul conta oficialmente com um Batalhão de Polícia de Choque para atender a Serra Gaúcha. A cerimônia de inauguração foi na quinta-feira (07/11) com a presença de diversas autoridades, entre elas, o prefeito de Caxias do Sul, Daniel Guerra; o governador do Rio Grande do Sul (RS), Eduardo Leite; o vice-governador do RS e secretário estadual de Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior; o juiz diretor do Fórum de Caxias do Sul, Carlos Finger; além de comandantes de órgãos de segurança municipais e estaduais.
A demanda para criação de um Batalhão de Choque na cidade foi apresentada pelo prefeito Daniel Guerra ao governador Eduardo Leite, em janeiro deste ano, em uma reunião em Porto Alegre. “Agradeço a sensibilidade do governador ao nos receber, no início do ano, para ouvir nossas demandas e agora podemos concretizá-la. O Batalhão de Choque é um sonho de muitas décadas e eis que isso é realidade. Resultado de um trabalho do comando geral da Brigada, do CRPO Serra, com apoio da administração municipal. Hoje temos esse avanço na segurança pública, com 110 homens altamente qualificados e preparados para nos proporcionar respostas rápidas em grandes desafios”, completou o prefeito.
O governador Eduardo Leite também enalteceu o trabalho que será realizado por essa corporação. “A Serra Gaúcha é referência para o estado do Rio Grande do Sul e precisa ter atenção devida na área da segurança para garantir que as pessoas tenham tranquilidade. Esses homens e mulheres colocam a própria vida em risco em benefício do interesse coletivo e por isso merecem o nosso respeito”, destacou.
A solenidade foi realizada onde hoje funciona o batalhão, no antigo Senai José Gazola, após uma ação conjunta da Prefeitura de Caxias do Sul e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). A área onde foi construído o prédio do Senai pertence ao Município e foi doada, na época, para a entidade para construção da escola. Atualmente, diante da desocupação do local pelo Senai e com a vinda dos novos soldados, houve a decisão mútua, entre prefeitura e Senai, de fazer essa cessão do espaço. O prédio construído pelo Senai foi cedido, com anuência do Município, à Brigada Militar para instalação dos 110 homens do Batalhão de Polícia de Choque.
O prefeito Daniel Guerra, junto ao Cel. Glauco Alexandre Braga, comandante do Comando Regional de Policiamento Ostensivo (CRPO) Serra, acompanhou o vice-governador em uma visita às instalações do prédio, conhecendo as diversas unidades que serão utilizadas pelos soldados do Batalhão de Choque. Após a solenidade, as autoridades descerraram a placa de inauguração oficial da corporação.
Além do prefeito Daniel Guerra, também estavam presentes o chefe de Gabinete, Chico Guerra; a Procuradora-Geral do Município, Cássia Kuhn; o secretário municipal de Segurança Pública e Proteção Social, Ederson Cunha; o secretário municipal da Saúde; Júlio César Freitas; e a secretária municipal do Urbanismo, Mirangela Rossi.

Foto Daniel Bianchi

FOCAR VEÍCULOS.svg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha loading...