Home » Archives by category » Patricia Prigol

A águia que “quase” virou galinha!

A águia que “quase” virou galinha!

By Patrícia Luiza Prigol. “O tempo está chegando quando o homem não mais lançará a flecha do seu desejo para além de si mesmo e a corda do seu arco se esquecerá de como vibrar … O tempo está chegando, quando o homem não mais dará à luz de uma estrela. O tempo do mais […]

Qual o papel da mulher contemporânea?

Qual o papel da mulher contemporânea?

By Patrícia Luiza Prigol A modernidade trouxe consigo a diversidade de papéis que podem ser desempenhados pela mulher contemporânea. Muitas mudanças ocorreram a partir da inserção das mulheres no mercado de trabalho. Por outro lado, há um movimento sutil na contemporaneidade que insinua a retomada do estilo patriarcal. Estaríamos, portanto, repaginando o antigo papel que a […]

“Não nascemos mulher, nos tornamos mulher”

“Não nascemos mulher, nos tornamos mulher”

By Patrícia Luiza Prigol. Em alusão ao que Simone de Beauvoir afirmara na década de 70: “Ninguém nasce mulher, torna-se mulher”. Uma ativista política, encampando a missão do feminismo de sua época, escritora, filósofa-existencialista, feminista por essência e excelência, Simone não viveu tempo suficiente para presenciar as principais mudanças que tanto imprimira nos seus escritos e […]

Virar adulto é como se perder da mãe no supermercado para sempre

Virar adulto é como se perder da mãe no supermercado para sempre

By Patrícia Luiza Prigol. Para ingressar no mundo adulto é preciso deixar a casa dos pais. Histórias que revelam forte sentimento de lealdade ao sistema familiar podem trazer grande sofrimento e importantes dificuldades no processo de individuação, limitando significativamente o desenvolvimento de novas competências e a consequente expansão do potencial de seus integrantes. Entende-se por […]

Ensaios para uma vida adulta: ser ou não ser?

Ensaios para uma vida adulta: ser ou não ser?

Ensaios para uma vida adulta: ser ou não ser? By Patrícia Luiza Prigol. “SER OU NÃO SER: EIS A QUESTÃO”. William Shakespeare. “SER OU NÃO SER: EIS A QUESTÃO”. É um questionamento filosófico usado por Shakespeare quando Hamlet tem a difícil decisão ética de por fim ou não à vida do próprio tio que supunha ter […]

Querer mesmo!

Querer mesmo!

By Patrícia Luiza Prigol. “É difícil conseguir o que se quer. Só se torna menos difícil quando se quer mesmo! O navegador Amyr Klink, ao ser perguntado por um repórter sobre o que sentia a respeito das pessoas que passam 30 anos trabalhando no mesmo escritório, sentadas a vida inteira diante da mesma escrivaninha, respondeu: “Inveja”. Klink admira quem consegue […]

Há transitoriedade nas relações

Há transitoriedade nas relações

By Patrícia Luiza Prigol. “Transitoriedade nas relações”: um movimento natural que se integra ao mundo contemporâneo. Nossa capacidade de adaptação frente a essa demanda implica em posicionamento firme diante dos desafios que a vida nos apresenta e, principalmente, diante de cada nova aquisição que fizemos. O fato é que o mundo mudou numa velocidade tão grande […]

As múltiplas faces da depressão!

As múltiplas faces da depressão!

By Patrícia Luiza Prigol. Quero trazer à reflexão um assunto que está em voga na atualidade: a depressão. O que proponho é um olhar voltado para as descobertas mais recentes, a começar pela indústria farmacêutica: nos últimos anos, a comercialização de medicamentos utilizados para depressão aumentou significativamente. Há drogas que apresentam o mínimo efeito colateral. São […]

Meu leme, minha responsabilidade:

Meu leme, minha responsabilidade:

“Tudo pode ser tirado de uma pessoa, exceto uma coisa: a liberdade de escolher sua atitude em qualquer circunstância da vida”. Quando você consegue efetivamente distinguir crenças disfuncionais (valores impostos pela sociedade que geralmente estão a serviço de interesses econômicos) dos valores pessoais que preservam suas reais escolhas, então você alcança de fato a autonomia […]

Como eliminar o prazer da sua vida

Como eliminar o prazer da sua vida

By Patrícia Luiza Prigol. Ficar preso constantemente às queixas é a melhor forma de eliminar o prazer da sua vida. Afinal, se você deixa de lado a ideia de uma vida significante, você consegue eliminar o prazer e qualquer motivo para empenhar-se. Não haverá nenhuma razão para mudar. É claro que você terá que optar […]

Page 1 of 6123Next ›Last »