Seja bem-vindo
Caxias do Sul,22/02/2024

  • A +
  • A -

Luis Suárez se despede diante da torcida em clima emocionante

Fonte: ESPN Brasil
Luis Suárez se despede diante da torcida em clima emocionante Foto Lucas Uebel/GFPA
Publicidade

Foram mais de 50 mil pessoas na Arena para assistir a despedida de Luis Suárez em Porto Alegre, o último jogo em que os torcedores gremistas tiveram o privilégio de ver um extra classe em campo com a camisa de um dos grandes do Brasil.

O uruguaio, muito emocionado e acompanhado dos três filhos e sua esposa, sob chuva, dispensou o guarda chuva e falou emocionado da sua satisfação em ter tido a oportunidade de jogar num campeonato tão competitivo como o Brasileirão, destacou o carinho de torcedores rivais e que isso de certa forma fez com que ele jogasse com mais dedicação e comprometimento e que levará na bagagem várias acontecimentos extraordinários.

"Eu acho que não se pode terminar um ano maravilhoso aqui, com a nossa torcida. À parte do que é o Suárez, do que o Suárez fez pelo Grêmio, tem que valorizar muito o time, que trabalhou muito, ganhou muitos jogos sem Suárez, tem que valorizar também. Não é só o Suárez. O meu trabalho é procurar fazer o melhor para o time, hoje é um dia especial, me despedir ganhando em casa, com a nossa torcida e ficar todos juntos para o próximo ano, que o Grêmio voltou aonde tinha de estar", começou por dizer, em entrevista ao Sportv.

"Eu acho que eu, que tive a oportunidade de jogar em muitas ligas, aqui na América do Sul acho que é a mais difícil. Tem muitos jogos, mas é preciso manter a tranquilidade, fazer as coisas, entreguei todo o meu corpo para o Grêmio, com dor, sem dor, mas eu procurei fazer sempre a mesma coisa, que é jogar futebol, procurando que o Grêmio voltasse para aonde voltou", prosseguiu.

"Sempre vou me lembrar de tudo o que aconteceu em diferentes estádios, jogos, as torcidas de outros times também me ajudaram para que eu me sentisse confortável e isso é muito importante para um jogador. Não é fácil jogar contra grandes times do Brasil e ver a torcida contrária comemorando o que você fez."

Por último, Suárez foi questionado sobre os momentos especiais que vivenciou pelos gramados brasileiros e surpreendeu ao apontar aquele que levará consigo após deixar o Brasil.

"Todos os momentos são especiais. Fico com o começo, que foi bem legal, começar fazendo três gols e terminando fazendo gol. O que mais eu posso pedir?", disse, antes de concluir.

"Agradecer pelo carinho, a confiança. O Suárez está indo embora tranquilo, deixou tudo o que tinha que deixar em campo, fazer o melhor possível, jogar futebol e trabalhar com um time e um treinador que foram muito importantes.""Eu acho que não se pode terminar um ano maravilhoso aqui, com a nossa torcida. À parte do que é o Suárez, do que o Suárez fez pelo Grêmio, tem que valorizar muito o time, que trabalhou muito, ganhou muitos jogos sem Suárez, tem que valorizar também. Não é só o Suárez. O meu trabalho é procurar fazer o melhor para o time, hoje é um dia especial, me despedir ganhando em casa, com a nossa torcida e ficar todos juntos para o próximo ano, que o Grêmio voltou aonde tinha de estar", começou por dizer, em entrevista ao Sportv.

"Eu acho que eu, que tive a oportunidade de jogar em muitas ligas, aqui na América do Sul acho que é a mais difícil. Tem muitos jogos, mas é preciso manter a tranquilidade, fazer as coisas, entreguei todo o meu corpo para o Grêmio, com dor, sem dor, mas eu procurei fazer sempre a mesma coisa, que é jogar futebol, procurando que o Grêmio voltasse para aonde voltou", prosseguiu.

"Sempre vou me lembrar de tudo o que aconteceu em diferentes estádios, jogos, as torcidas de outros times também me ajudaram para que eu me sentisse confortável e isso é muito importante para um jogador. Não é fácil jogar contra grandes times do Brasil e ver a torcida contrária comemorando o que você fez."

Por último, Suárez foi questionado sobre os momentos especiais que vivenciou pelos gramados brasileiros e surpreendeu ao apontar aquele que levará consigo após deixar o Brasil.

"Todos os momentos são especiais. Fico com o começo, que foi bem legal, começar fazendo três gols e terminando fazendo gol. O que mais eu posso pedir?", disse, antes de concluir.

"Agradecer pelo carinho, a confiança. O Suárez está indo embora tranquilo, deixou tudo o que tinha que deixar em campo, fazer o melhor possível, jogar futebol e trabalhar com um time e um treinador que foram muito importantes."

Publicidade



MAIS FOTOS



COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.